11 de junho de 2007

A Penha aqui tão perto...

No domingo 10 de Junho subi a Penha com a Inês. Apesar de já viver em Guimarães há 7 anos, ainda não o tinha feito. Nesse dia, como tínhamos pouco tempo, o céu estava a ameaçar chuva e trovoada, e a Luísa teve de ficar a trabalhar em casa, decidi fazer esta subida à Penha.

Vista de Guimarães no início da subida da Penha


A partida foi de junto da magnífica Pousada de Santa Marinha da Costa, e a chegada, cerca de uma hora depois, foi junto ao Hotel da Penha. É um percurso pequeno (cerca de 3,5 km), assinalado com marcações que na maioria dos locais estão ainda visíveis e são fáceis de seguir. A inclinação é um pouco acentuada em alguns pequenos troços, mas o caminho faz-se sem dificuldade.


Outra vista de Guimarães com o Paço dos Duques e o Castelo

Não é um percurso muito interessante, uma vez que decorre inicialmente por entre ruas e algumas casas, passa perto dos postes do teleférico num pequeno troço e cruza duas vezes a estrada principal que sobe de Guimarães à Penha.


Um cogumelo "gigante" no caminho...

Só nos últimos 500 metros da subida é que o percurso vai integralmente por entre a vegetação da Penha, e também por entre alguns dos grandes blocos de granito que salpicam a encosta. É também este o troço mais interessante do caminho, que decorre numa escadaria de granito.


O troço mais interessante da subida

Entre os penedos da Penha...


Depois de uma visita ao miradouro junto à Igreja e da "foto de família"....

Com Guimarães aos pés....

...o regresso foi feito no teleférico.

Em suma, esta subida à Penha foi um bom exercício, para manter as pernas activas. Foi também uma forma da Inês (que aguentou bem a subida) ganhar alguma “endurance”, pois espero que ela passe a acompanhar-nos com frequência, e venha a transformar-se em mais uma andarilha...

2 comentários:

Riacho disse...

Boas
Olá sou o RIACHO, tenho feito algumas caminhadas com o UPB.
Ao deparar com este blog, fiquei a saber que moras em Guimarães.
Sou de Vizela, chamou-me a atenção esse lugar bonito chamado Penha.
Oa meus treinos são feitos pelos montes que dão acesso ao S. Bento das Peras, já algum tempo que tenho tentado saber se haveria algum trilho de Guimarães até á Penha sem ser através da estrada, a tua informação foi muito útil,um dia destes vou faze-lo.
Abraço.

Eloy Rodrigues disse...

Olá Riacho,

Se precisares de mais alguma informação sobre o percurso da Penha, contacta-me por mail.

Abraço